Nossas Publicações

profile Image
11 de junho de 2018
João Cerejeira/ Miguel Portela

Das (des)vantagens da contratação a termo

Se as alterações acordadas a 30 de maio na Concertação Social parecem ir na direção correta, infelizmente mais uma vez parte-se para a negociação e posterior decisão sem que haja um estudo de avaliação prospetiva destas medidas.

profile Image
9 de abril de 2018
João Cerejeira/ Miguel Portela

Informação, transparência salarial e (des)igualdade

No caso concreto do mercado de trabalho, o segredo interessa muito mais ao empregador do que ao trabalhador. Permitir o acesso aos dados sobre remunerações e características dos trabalhadores, de forma controlada e anonimizada, aumentará o poder negocial destes últimos e será um forte instrumento de combate à descriminação.

profile Image
12 de fevereiro de 2018
João Cerejeira/ Miguel Portela

Contratação a prazo e sem termo: um debate em aberto

A elevada percentagem de trabalhadores com contratos a termo é uma preocupação crescente no debate sobre políticas de emprego na Europa. Num país em que 53,2% da população empregada com idade entre os 15 e os 29 anos está contratada a prazo, o debate sobre as instituições que regulam o mercado de trabalho não pode ser um assunto fechado.

profile Image
4 de setembro de 2017
João Cerejeira/ Miguel Portela

A oferta de serviços complementares como incentivo à filiação sindical

No longo prazo a perda de filiados por parte dos sindicatos questionará ainda mais a sua legitimidade e relevância no quadro das relações laborais.

profile Image
17 de julho de 2017
João Cerejeira/ Miguel Portela

O futuro do trabalho e desigualdade

Não há dúvida que uma parte substancial das tarefas produtivas, da indústria ou serviços, poderá vir a ser automatizada.

profile Image
29 de maio de 2017
João Cerejeira/ Miguel Portela

Desigualdade salarial

Em suma, se se pretende que Portugal apresente uma menor desigualdade salarial, nomeadamente deslocando o salário médio e mediano para valores mais elevados, não basta alterar as condições em que se desenrola a negociação coletiva.

profile Image
9 de fevereiro de 2017
João Cerejeira/ Miguel Portela

Mercado de trabalho: o que esperar para 2017?

As boas notícias associadas à queda do desemprego devem ser devidamente temperadas com as notícias menos boas do aumento da emigração ou do número de desencorajados, as quais implicam uma redução do potencial produtivo do país.

Colabore Connosco e receba a nossa newsletter

Fique a par das últimas novidades e eventos da Cidadania Social e receba os nossos artigos de opinião.