Natal, política e bacalhau a pataco

Com a Europa em crise, como se viu recentemente em França com a revolta dos “coletes amarelos”, com divisões entre o Norte e o Sul, entre o Leste e o Oeste e, também, com a hesitação no Centro, pode acontecer, e repito, pode acontecer, que o bacalhau venha a ser um prato proibido porque, tal como os touros sem velcro, sofre quando é pescado, esquartejado, secado e salgado.

13 de dezembro de 2018

Colabore Connosco e receba a nossa newsletter

Fique a par das últimas novidades e eventos da Cidadania Social e receba os nossos artigos de opinião.